You are currently viewing Palacete Pinto Leite – S. Pedro Sul

Palacete Pinto Leite – S. Pedro Sul

O Palacete Pinto Leite é uma construção habitacional, que se localiza nas margens do rio Vouga, no lugar do Forno Telheiro, na cidade de S. Pedro do Sul.

A sua construção deve-se à senhora Emília Pinto Leite, natural do Porto, mas casada em S. Pedro do Sul.

Em 1896, o Palacete Pinto Leite foi Paço Real, porque foi posto à disposição da rainha D. Amélia, que o inaugurou, o equipou com mobiliário trazido do Paço das Necessidades e nele se hospedou com o rei D. Carlos e os príncipes seus filhos, quando vieram passar uma temporada de veraneio às Termas de S. Pedro do Sul.

Após a morte da proprietária, o conselheiro José Vaz Correia de Seabra e Lacerda adquiriu o imóvel aos herdeiros e passou a habitá-lo, porque o espaço lhe assomava recordações da monarquia e da rainha D. Amélia, além da sua localização: junto à antiga Estação do Caminho-de-Ferro, da ponte ferroviária de Negrelos e da larga avenida que o dito conselheiro se empenhou em abrir.

Falecido o conselheiro José Vaz, passados anos, o palacete entrou para a posse do Ministério da Educação, que o organizou de forma a albergar uma residência feminina para estudantes.

Entretanto a residência encerrou e os serviços passaram para outro edifício, com o natural abandono e degradação do belo palacete oitocentista.

Por fim, o espaço foi cedido à associação “Unidos da Estação”, que o recuperaram e lhe vão dando algum uso.

11
Created on By José Santos

Lafões - história

Vamos testar os seus conhecimentos sobre a história da região!

1 / 7

A Ordem de S. Francisco tinha grande aceitação em S. Pedro do Sul. Tinha a sua sede na:

2 / 7

No dia 5 de Junho de 1894, chegava a S. Pedro do Sul um cortejo de "mais de 30 carruagens", que, desde Viseu, acompanhava a rainha D. Amélia e os infantes D. Luís Filipe e D. Manuel. Após solene "Te Deum", na igreja matriz, a família real instalou-se numa importante casa da região. Foi no:

3 / 7

A região era sulcada por vasta rede de estradas, de que chegaram até nós alguns troços e pontes. A principal era a Estrada Romana Viseu-Águeda, que ficou conhecida por "estrada velha" e também por:

4 / 7

Sem quebra da sua unidade geográfica, Lafões é uma região diversificada, a lembrar umas vezes o:

5 / 7

Qual das seguintes freguesias não faz parte de Lafões?

6 / 7

Em 1896, o Palacete Pinto Leite (S. Pedro do Sul) foi:

7 / 7

Em que ano foi lançado o jornal Notícias de Lafões?

Your score is

The average score is 71%

0%